10 dicas para realizar uma #BIA bem feita

10 dicas para realizar uma #BIA bem feita10 dicas para realizar uma #BIA bem feita

Neste vídeo de pouco mais de 30 minutos o consultor líder da STROHL Brasil, Sidney R. Modenesi, MBCI, LDRM, compartilha 10 dicas muito úteis para realizar uma #BIA – Análise de Impacto nos Negócios.   Estas dicas são resultado dos 20 anos de experiência do Sidney neste tema e nas mais de 500 BIAs por ele realizadas e utilizando os conceitos da ISO 22301:2019 Security and resilience — Business continuity management systems — Requirements.

Este outro post também com vídeo “Como se preparar para a BIA” complementa este post.

Sumário das dicas para realizar a #BIA:

#1:   Relacione as informações absolutamente necessárias para a tomada de decisão executiva.

#2:   Conheça a organização: topologia operacional, organograma, volumetrias etc.

#3:   Identifique os gestores de negócios qualificados a fornecerem as informações de #1;

#4:   Faça o cronograma realista do Projeto BIA, incluindo folgas para os atrasos dos gestores;

#5:   Desenvolva o Template da BIA para compilar as informações de #1;

#6:   Haja como um consultor na entrevista da BIA, desafie o gestor de negócio.

#7:   Na apresentação à DIREX seja objetivo e transmita conhecimento e segurança.

#8:   Leve soluções e não problemas.   Proponha alternativas, suas vantagens e desvantagens.

#9:   Revise todas as recomendações com as novas informações fornecidas pela DIREX.

#10: Objetivos de Continuidade de Negócios estabelecidos? Atualize ou desenvolva os PCNs e DRPs.

Veja os detalhes de todas estas dicas no vídeo

Se você gostou e achou este vídeo útil deixe o seu LIKE, COMPARTILHE com sua rede de contatos e INSCREVA-SE no nosso canal para receber diretamente os novos vídeos.

Quer saber mais sobre Planos de Contingência ou Continuidade de Negócios, de Recuperação de Desastres (Disaster Recovery) ou Resiliência Operacional?   Por favor preencha o formulário abaixo e entraremos em contato.

 

Compartilhe este Artigo

Compartilhar no email
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Artigos Relacionados

3 Usos da BIA nos Ataques Cibernéticos

3 Usos da BIA nos Ataques Cibernéticos Aparentemente neste período de quarentena houve um aumento significativo de ataques cibernéticos às organizações.   Pode ser somente um

Apetite ao Risco

Apetite ao Risco Introdução Um dos pilares da Continuidade de Negócios (BC) e da Recuperação de Desastres (DR) é o Apetite ao Risco. É baseado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Este site utiliza cookies para proporcionar uma melhor experiência para nossos usuários. Ao continuar a navegação neste site, você estará de acordo com os cookies que estão sendo utilizados. Se quiser saber mais sobre nossa política de cookies, clique aqui.